Rogue One é um filme dirigido por Gareth Edwards que conta a historia de um grupo rebelde que foi roubar os planos da estrela da morte que a princesa leia colocou no r2-d2 em uma nova esperança.

Temos Felicite Jones como Jyn Erso, Alan Tudyk como K-2SO e Donnie Yen como Chirrut Îmwe , agora por que só falei desses personagens? eles são os mais interessantes do filme, logo de cara você percebe que o primeiro ato não consegue muito bem apresentar com sucesso todos os personagens de maneira satisfatória,mas ainda assim da pra passar,consegue entregar um final satisfatório apesar desse problema.Os efeitos especiais desse filme são completamente insanos de tão bons,o CGI é meu deus do céu cara,coisa de outro mundo,as cenas de batalha estão muito boas, esta chegando naquele ponto em que o CGI esta ficando quase real,talvez pelo estilo que foi usado desse filme que lembra bastante as maquetes de uma nova esperança.


A direção de Gareth Edwards é solida e da a escala do conflito,não são pequenos confrontos,são grandes batalhas e aqui temos um verdadeiro fã de Star Wars, ou seja, os rebeldes batem forte,mas não conseguem sustentar uma batalha por muito tempo. O roteiro tenda dar aquela pitada de duvida para com os rebeldes que as vezes, não fazem umas coisas muito boas, mas vale tudo pela causa, também tenta pegar o emocional de quem esta assistindo e consegue por causa do final.


Mas falando no roteiro vamos ao grande problema do filme, a dificuldade que o roteiro tem de apresentar os personagens, deixando muito a desejar na questão dos personagens, ou seja, são muito simples, você tem o monge fodão,rambo,cara whatever, assassino,ladra e robô do inferno, fora os personagens que citei no começo os outros não são aprofundados,tipo de maneira nenhuma, mas o resto do filme é incrível,outra coisa que devo citar é que Darth Vader não faz muito parte desse filme,uma oportunidade perdida?não! quando o vilão aparece na tela fica obvio a sua força.O  filme não é sobre ele,o vilão Orson Krennic faz um bom trabalho e é interpretado por Ben Mendelsohn.

Nota:8.5

%d blogueiros gostam disto: