Por Marcelo Moura do site Noset.com e Multiverso Geek.

DC Showcase: Superman & Shazam!: O Retorno do Adão Negro (2010):

Não é a primeira vez que o Shazam, personagem mais uma vez reformulado pela DC, após várias Crises e Flashpoints,  e não mais chamado pelo seu nome original, Capitão Marvel, tem um encontro com seu ídolo e até certo ponto rival Superman. Antes de Shazam ser da DC em 1973, através de uma longa briga jurídica com a Fawcett, sua antiga casa, ambos eram concorrentes de editoras rivais e a semelhança de poderes fez com que a DC tivesse vantagem na briga jurídica. enquanto Superman se torna mais forte através da radiação solar do nosso sol amarelo, Shazam é Billy, um adolescente que tem o poder de deuses através da magia.

 

Superman / Shazam!: The Return of Black Adam (2010):

Direção Joaquim dos Santos, produção Bobbie Page, Alan Burnett, Joaquim Dos Santos, Sam Register, Bruce Timm, roteiro Michael Jelenic e Jerry Siegel, baseado em DC Showcase pela DC Comics, elenco George Newbern, Jerry O’Connell, Arnold Vosloo, Zach Callison e James Garner. Produzido pela Warner Bros. Animation, Warner Premiere e DC Comics, distribuição Warner Home Video.

Sinopse: Neste novo encontro entre Superman e Shazam, Clark Kent conhece a história de Billy Batson, um jovem que foi escolhido por um antigo mago para representar o bem invocando o nome de um poderoso bruxo: Shazam. Seus poderes logo aparecem e ele descobre que está sendo perseguido por um maligno vilão chamado Adão Negro, cujos poderes são tão fortes que nem o Superman é capaz de detê-lo. O conto é baseado no arco Superman e Shazam, O Primeiro Trovão, publicado pela DC Comics, e conta uma parte da história do Adão Negro e recoloca ambos no novo universo DC antes do Flashpoint e a entrada dos Novos 52, .

Crítica: Uma das melhores animações do mercado, mesmo que já desatualizado,  Superman & Shazam tem uma excelente história de heróis e vilões, quais os motivos que os mantém na linha, a bondade inerente no coração dos mais poderosos personagens da Dc Comics. Diferente de Batman, Superman acredita no bem e na verdade que o ser humano é capaz dos maiores sacrifícios pelo próximo. Shazam representa muito bem isso, afinal, qual foi o menino que não sonhou ser um herói, poder voar e fazer a diferença contra os maus. Não é a primeira vez que o Shazam, personagem reformulado pela DC e não mais chamado pelo seu nome original, Capitão Marvel, devido a um personagem da Marvel anterior com o mesmo nome, tem um encontro com seu ídolo e até certo ponto rival Superman. Antes de Shazam ser da DC em 1973, através de uma longa briga jurídica com a Fawcett, ambos eram concorrentes de editoras rivais e a semelhança de poderes fez com que a DC tivesse vantagem na briga com a rival Fawcett. No elenco Jerry O’Connell é o ator que faz a voz do Shazam, conhecido por suas atuações em filmes como Jerry Maquire, Scream, Scary Movie, e séries como Veronica Mars e Sliders. Arnold Vosloo é um ator sul-africano, célebre por interpretar o papel de Imhotep na franquia The Mummy, (1999 e 2001), aqui é a voz do poderoso Adão Negro. Adão Negro é um dos meus vilões preferidos, principalmente pelas sua motivações, sendo um vilão fora do seu tempo e que perdeu tudo que mais amava.

Adão Negro: Adão Negro, originalmente em inglês Black Adam, é um personagem das HQs da editora americana DC Comics. Originalmente parte da Fawcett Comics é a versão maligna do Capitão Marvel/Shazam. Criado pelo roteirista Otto Binder e pelo desenhista C. C. Beck em 1945, Adão foi um dos primeiros detentores dos poderes do Mago Shazam ainda na época do Antigo Egito, quando ainda era Teth-Adam, filho do faraó Ramsés II, com os quais deveria combater o mal e preservar a paz, assumindo a identidade de Adão Negro. Entretanto, Teth se deixou seduzir pelo poder, sendo, como castigo, exilado pelo Mago Shazam em outra dimensão. Só no Século XX  Adão Negro conseguiu se libertar, voltando-se definitivamente contra o Mago Shazam e seu recente “pupilo”, o Capitão Marvel, tornando-se, de longe, o principal inimigo do personagem, e da família Marvel como um todo, com o objetivo de saciar sua sede de vingança. Os incríveis poderes à disposição de Adão Negro são vastos, além de poder manipular magia, algo que, diretamente, o Capitão Marvel não pode fazer, Adão Negro retira seus poderes de divindades egípcias como Shu (resistência, vigor); Hórus (velocidade, capacidade de voo); Amon (super-força); Zehuti (sabedoria); Aton (poder) e Mehen (coragem), Assim como o Capitão Marvel, Adão precisa pronunciar a palavra mágica “SHAZAM” para ter canalizar seus poderes.

 

%d blogueiros gostam disto: