Into the Badlands

Into the Badlands

Into The Badlands é uma série da AMC com um total de 6 episódios que se passa em um mundo pós-apocalíptico onde barões aboliram as armas e todo mundo é mestre shaolin foda. O figurino da série mistura um ar ocidental e oriental, mas não é explicado nada desse lado oriental e não faz sentido nenhum além de justificar todo mundo lutar kung fu invés de boxe ou outros estilos de lutas mais comuns nos estados unidos, mas a série explora um pouco desse lado então tudo bem, apesar de na caracterização achei os personagens um pouco limpos demais para alguém que esta em uma terra pós-apocalíptica.

A Galera que importa

A Galera que importa

Como eu já tinha dito antes o ponto alto da série são as lutas de artes marciais que são bem coreografadas, uso de alguns cabos em algumas cenas, mas tudo muito bem feito para o meu gosto, e me parece que todo mundo é um ninja/samurai/mestre de kung fu ,o que é muito doido, mas também explicado durante a série.

A Porrada come o tempo todo.

A Porrada come o tempo todo.

 

Os personagens são interessantes, alguns mais do que outros, por ser 6 episódios em uma parte da série são introduzidos tantos que eles se tornaram peso de papel, mas os que são desenvolvidos brilham bastante, o personagem que eu mais gostei foi o Barão Quinn interpretado por Marton Csokas ele mostrou um vilão ameaçador para a série, o Daniel Wu como Sunny sabe lutar e nas partes onde é pedido emoção ele continua dentro do personagem e passa o que esta acontecendo, ótima performance. Nas personagens femininas, Emily Beecham rouba a cena quando ela esta na sala, mostra a presença que a sua personagem tem “A Viuvá” adorei cada momentos que ela esta na tela.

 Vem nemim Viuva *-*

Vem nemim Viuva *-*

No Final Into The Badlands é uma ótima série para quem gosta de muita ação e uma historia interessante o bastante para te levar de luta em luta, o universo é crível apesar do fato de todo mundo ser meio limpo demais, espero muito da segunda temporada.

Dou a Into the Badlands 1 Tigre e o Dragão de 0,9 livro de Eli.

%d blogueiros gostam disto: