Durante nova entrevista ao ET Canadá, o ator Don Cheadle que retornará ao papel de James Rhodes em Armor Wars, uma das próximas séries do MCU da Disney+, focada no legado da tecnologia e armaduras que Tony Stark deixa, falou sobre a preparação da produção e em que momento ele e o estúdio estão no desenvolvimento.

Vai ser interessante. Você sabe… estamos apenas falando sobre como essa série vai ser… provavelmente começará a ser filmado no próximo ano. E meio que criando a história agora… como será essa jornada… como Rhodes… você sabe, aquela geração será. Obviamente as pessoas conhecem Armor Wars, se eles conhecem Armor Wars eles sabem do que a série trata, também meio que descobrir como estabelecer, aprofundar, realmente profundo, em quem Rhodes é.

Para aqueles que não tem muito conhecimento sobre o material fonte que a série adaptará, se trata de Armor Wars, com uma versão em 1980 e uma outra mais recente de 2015. Escrita por David Michelinie e Bob Layton com arte de Mark D. Bright e Barry Windsor-Smith.

A Disney indicou que a produção se baseará na narrativa original. A trama do quadrinho acontece nas páginas de Iron Man entre 1987 e 1988. Tem como foco as preocupações de Stark em relação a como sua armadura estava sendo usada por outras pessoas no universo Marvel. Ele chega a conclusão de que seus projetos estavam sendo utilizados por inimigos seus, e após isso, ele nota que haviam sido vendidos por Justin Hammer. Ele fica chateado com isso e teme que sua tecnologia fosse usada para o mal. Com isso em mente, ele vai em uma jornada para garantir que nenhum dano seja causado por conta de suas invenções nas mãos erradas.

Com o Máquina de Combate ao seu lado em batalha, o Homem de Ferro enfrentou vários inimigos blindados ao decorrer da história em um esforço para rastrear todos que tinham acesso aos projetos dele. Entre os inimigos estavam Homem de Titânio, Besouro (Beetle no original), Dínamo Vermelho, e um super-herói de nome Stingray.

Um dos problemas da trama era que, nem todos os alvos de Stark eram culpados daquilo que ele os acusava, e um exemplo disso era de que ele percebeu que cometeu um grande erro ao descobrir que Stingray havia inventado sua própria armadura. Mesmo estando errado na situação com Stingray, a determinação do herói de ferro dos Vingadores não parou por ali. Um de seus outros erros correndo atrás dos inimigos que tinham suas armaduras foi quando ele atacou guardas e consequentemente causou uma fuga da prisão no Vault, e isso o colocou contra um furioso Capitão América, que se viu forçado a limpar a bagunça que Stark fez.

As coisas só foram de mal a pior para o gênio bilionário quando o Gavião Arqueiro expulsou ele da equipe dos Vingadores da Costa Oeste. Os problemas se acumularam, mas no desfecho o Homem de Ferro e o Máquina de Combate venceram essa Guerra de Armaduras quando derrotaram o principal vilão do arco, Poder de Fogo (Firepower no original). Mas, a vitória da dupla não veio sem nenhuma consequência, muito pelo contrário, as ações dos heróis prejudicaram sua posição na comunidade heroica assim como seu relacionamento com o Capitão América e os demais Vingadores.

Para aqueles que assistiram a trilogia Homem de Ferro, sabem que o conceito de Armos Wars sempre existiu no MCU, mas nunca foi adaptado em um completo arco ou filme ou série. A armadura protótipo de Stark foi roubada por Obadiah Stane (Jeff Bridges) e assim ele criou a armadura Monge de Ferro e batalhou contra Stark no final do primeiro filme, lançado em 2008. Após isto, tivemos Justin Hammer inserido no universo e tentando por suas mãos na armadura de Stark no segundo longa-metragem, e com a intervenção do governo no meio disto. No terceiro filme tivemos a tecnologia Extremis criada pelo mesmo, que foi roubada por Aldrich Killian (Guy Pearce), que resultou em uma batalha muito acalorada entre ele, Pepper (que havia sido cobaia de experimento) e Killian ao final da trama. Pepper estava do lado de Stark, tanto que no final deu um basta no vilão.

Armos Wars pode estrear somente em 2023, com suas gravações atualmente previstas para começar no ano que vem. Há boatos que teremos Riri Williams (Dominique Thorne) na trama e a volta de Justin Hammer (Sam Rockwell), o que fará bastante sentido (para saber mais clique aqui).