A Disney lançou nesta segunda o primeiro teaser de divulgação oficial de seu streaming, o Disney+, e anunciou também a data de lançamento em outros países incluindo o preço para os futuros assinantes.

Confira:

A empresa revelou que o streaming chegará para o Canadá e os Países Baixos em 12 de novembro, mesma data dos EUA. O preço será de $ 8,99 por mês em dólar canadense (US$ 89,99 por ano) e $ 6,99 euros por mês nos Países Baixos (US$ 69,99 por ano).

Em 19 de novembro será a vez do streaming chegar a Austrália e Nova Zelândia com valores de $ 8,99 (US$ 89,99 por ano) e $ 9,99 (US$ 99,99 por ano).

A Variety diz ainda que, além destes cinco países iniciais, a ideia é lançar a plataforma em todos os mercados principais nos primeiros dois anos.

Ainda foi informado duas novas coisas nesta tarde. A primeira é que durante a D23 Expo que ocorre nesta semana, os participante do evento terão a primeira oportunidade de assinar a Disney+ com algumas vantagens:

Os participantes da D23 Expo terão a primeira oportunidade de assinar a Disney+ com uma oferta exclusiva do ‘Founders Circle’, concedendo US$ 23 dólares de desconto por ano com um compromisso de 3 anos, com uma média de 33% do preço anual padrão.

A segunda é relacionada as outras plataformas que terão compatibilidade com o Disney+, como Apple, Google, Xbox One, PS4, Android TV e Roku, informação que partiu do Deadline.

Vale lembrar que em maio deste ano foi revelado em uma reunião de acionistas da Disney que o streaming chegaria no segundo semestre de 2020 na América Latina, tendo como maior mercado o Brasil.

Disney+ já terá em seu catálogo algumas produções da Marvel como Homem de Ferro, Homem de Ferro 3, Thor: O Mundo Sombrio, Capitã Marvel, Vingadores: Ultimato (chegando em 11 de dezembro deste ano). Outras como Homem de Ferro 2, Capitão América: O Soldado Invernal, Guardiões da Galáxia, Thor: Ragnarok, Pantera Negra, Vingadores: Guerra Infinita e Homem-Formiga e a Vespa só estarão disponíveis no streaming em 2020.